Home » Esporte » Capitão na Libertadores, Balbuena forjou liderança na 2ª divisão do Paraguai

Capitão na Libertadores, Balbuena forjou liderança na 2ª divisão do Paraguai

Bicampeão paulista e campeão brasileiro desde que chegou ao Corinthians, o zagueiro Fabián Balbuena, 26, vem assumindo cada vez mais o papel de líder na equipe de Fábio Carille.

Não é à toa que o técnico o nomeou capitão na Copa Libertadores, torneio pelo qual a equipe entra em campo nesta quarta-feira (2), contra o Independiente, em Itaquera.

Sem o experiente volante Ralf, 33, que lesionou o ombro esquerdo, e o lateral direito Fagner, 28, também fora com uma lesão muscular na coxa direita, Balbuena tem ainda mais responsabilidade sobre a equipe que vai encarar os argentinos.

O fato de falar espanhol para conversar com os árbitros pesou na escolha da faixa. Ele já havia sido capitão nos jogos da Copa Sul-Americana do ano passado.

“Balbuena exerce uma liderança sem gritar, sem gestos exagerados. É um jogador regular e que passa segurança para todo o time”, afirmou Fábio Carille.

As características de liderança e trabalho duro foram aperfeiçoadas nesta passagem pelo Corinthians. Ainda jovem, o zagueiro já demonstrava traços dessa postura, segundo quem conviveu com ele.

Com apenas 19 anos, foi capitão do modesto Cerro Porteño de Presidente Franco, interior do Paraguai, que subiu à primeira divisão local em 2011.

“Sempre foi um cara preocupado com o bem estar dos companheiros. No vestiário era assim: primeiro o companheiro e depois ele”, diz Rogerio Leitchweiss, companheiro de Balbuena no Cerro e com passagem pelo Guarani de Campinas.

 

Deixe uma resposta

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto:
WpCoderX