Home » Internacional » Primeiro-ministro de Israel diz que Irã mentiu sobre armas nucleares; Trump apoia denúncias

Primeiro-ministro de Israel diz que Irã mentiu sobre armas nucleares; Trump apoia denúncias

O primeiro-ministro de israel Benjamin Netanyahu, disse nesta segunda-feira (30) que o Irã mentiu sobre não buscar armas nucleares e que continuou preservando e expandindo seu conhecimento mesmo após assinar um acordo com potências mundiais.

“Os líderes do Irã negam repetidamente a busca por armas nucleares”, disse Netanyahu. “Hoje à noite eu estou aqui para dizer uma coisa: o Irã mentiu.”

“Depois de assinar o acordo nuclear em 2015, o Irã intensificou esforços para esconder seus arquivos secretos”, afirmou. “Em 2017, o Irã transferiu seus arquivos de armas nucleares para um local altamente secreto em Teerã.”

Posição dos EUA

Logo depois da fala de Netanyahu, Donald Trump voltou a ensinuar que planeja se retirar do acordo nuclear com o Irã. O presidente americano disse que não acredita que a medida prejudicará seus contatos com a Coreia do Norte. Ele também respaldou a denúncia do primeiro-ministro de Israel.

“O que nós aprendemos hoje sobre o Irã demonstra realmente que eu estou 100% certo”, disse o presidente americano sobre o acordo nuclear de 2015, em conferência na Nigéria.

Irã responde

Mais cedo, o líder supremo do Irã, Ali Khamenei exigiu que os Estados unidos deixem o Oriente Medio alertou os americanos sobre as consequências de um conflito militar com o país. Ele acusou Washington de atiçar uma “crise regional”.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto:
WpCoderX